É necessário cantar e dançar na chuva, mas sozinha?

"Chove chuva, chove sem parar"

Hoje a chuva chove com todas forças, descarrega toda a água que esteve acumulando sob as ruas. Limpa a cidade, limpa minha alma, leva minhas dores bem pra longe ou talvez mais pra perto.
Consigo ver desde aqui, apesar da miopia, as calhas jorrando jatos d'água como se fossem mangueiras descontroladas, como se a água estivesse brotando e seguindo seu curso. Observo a chuva tentando observá-la com sabedoria mas ainda assim, gostaria de ver um raio de sol. Apenas um me bastaria hoje.
Alguém quer tomar banho de chuva?

4 thoughts on “É necessário cantar e dançar na chuva, mas sozinha?

  1. Nat...

    vim agradecer pela visita, confesso que sou um apaixonado pelos detalhes que nos prendem cotidianamente, casos esse caso da chuva me lembrou outro doas meus post sobre o brilho do sol

    http://hbrayan.blogspot.com/search?q=o+brilho+do+sol.

    assim que der leio mais das suas postagem.

    atenciosamente HB

    ResponderExcluir
  2. Banho de chuva, qto tempo não tomo um! Mas, por favor, lave o corpo, mas a alma não, viu?
    Bjs*

    ResponderExcluir
  3. acumulando sob as ruas?

    ResponderExcluir
  4. Oi Natália...
    Sabe que eu tenho a mesma impressão quando chove; que a chuva limpa toda a energia ruim que está no ar?
    Já disse numa postagem que quando estou brava, gosto que chova. Fico com a sensação de que levou tudo de ruim embora.
    Quero voltar mais vezes com tempo pra ler seus posts.
    Gostei da sesibilidade que fica nas entrelinhas a sua escrita.
    Beijos...

    ResponderExcluir